Retorne ao universo metroidvania de Axiom Verge — Axiom Verge 2 já está disponível!

Finalmente chegou!

Após seis anos de desenvolvimento, Axiom Verge 2 foi lançado e está pronto para ser jogado no PC com Windows, no PS4 (será lançado para PS5 em uma data posterior) e no Nintendo Switch, graças a um lançamento surpresa anunciado no Indie World Showcase da Nintendo hoje cedo.

“Eu comecei a trabalhar no Axiom Verge 2 praticamente assim que o Axiom Verge 1 foi lançado”, disse Tom Happ, que desenvolveu o primoroso metroidvania original e esta sequência sozinho. “Na verdade, eu tive um pouco de dificuldade para terminar o primeiro jogo por causa de todas as ideias que eu queria trabalhar para a sequência! Tenho trabalhado com amor nos últimos seis anos, e as pessoas têm perguntado sobre isso desde o lançamento do primeiro jogo. Estou empolgado porque, finalmente, todos vão poder jogar!”

Se, por algum motivo, você passaram batidos pelo Axiom Verge original, a boa notícia é que vocês podem jogar esses jogos em qualquer ordem, porque, embora ambos aconteçam no mesmo universo, seus enredos não se sobrepõem diretamente.

Axiom Verge — referenciado por trazer sensibilidades modernas ao gênero metroidvania — conta a história de um cientista chamado Trace que se encontra em um planeta chamado Sudra após um acidente de laboratório.

O jogo de ação e exploração em pixel art 2D ganhou uma série de prêmios quando foi lançado em 2015, incluindo alguns prêmios de Jogo do Ano. Vocês podem comprá-lo bem aqui por US$ 19,99.

Em Axiom Verge 2, os jogadores assumem o papel de Indra, uma bilionária por trás do conglomerado internacional Globe 3. Ao visitar um centro de pesquisa na Antártica, ela se vê transportada para uma versão alternativa da Terra.

Desta vez, o desenvolvedor Happ decidiu criar dois mundos em um. O que isso significa é que os jogadores podem alternar entre a duas versões do mapa enquanto jogam, acessando uma dimensão alternativa que está sempre presente por trás do mapa do mundo principal.

Na história do jogo, isso é feito atravessando as tempestades nebulosas da fenda (Breach) para viajar entre os universos. Como seria de esperar, há mais coisas envolvidas, mas deixaremos isso para vocês descobrirem.
Axiom Verge 2 Out Now
Na prática, isso significa que você tem dois jogos em um e, como Happ explica, essa abordagem em camadas abre aos jogadores um enorme leque de oportunidades para a exploração não linear e a capacidade de descobrir como o mundo está conectado ao mundo principal.

Por causa de sua origem alienígena, a fenda se parece um pouco mais com Sudra do que com a Terra, com blocos mais rústicos e mais inimigos orgânicos do que robóticos.

Embora Happ diga que essa abordagem de dois mundos para o jogo foi seu maior desafio no desenvolvimento de Axiom Verge 2, certamente não foi o único.

Ele também queria abordar alguns dos problemas que os jogadores enfrentavam com a dificuldade. Em vez de simplesmente escolher entre os tradicionais modos típicos fácil, normal e difícil, ele permite aos jogadores ajustar separadamente o dano que eles causam e o dano infligido pelos inimigos. Ele também tornou as batalhas contra chefes totalmente opcionais — elas estão lá para pessoas que amam o desafio, mas são evitáveis para pessoas que querem apenas continuar explorando. Derrotar um chefe concede recompensas, mas não os impede de completar o jogo.

Axiom Verge 2 também experimenta com o combate encontrado no jogo original. Desta vez, as lutas que os jogadores terão que enfrentar serão muito mais próximas.

Ainda há muitas coisas, mas vamos deixá-los descobrir jogando o jogo. E ainda mais surpreendente é o fato de que este é o produto de um único desenvolvedor.

Happ começou a trabalhar no Axiom Verge original em março de 2010 como um hobby de meio período, criando toda a arte, código, música e design de jogo antes de lançá-lo cinco anos depois.

Nos seis anos que se seguiram, muita coisa aconteceu, nem tudo foi flores, como Happ observou em seu blog.

“Parece que todo triunfo foi compensado por uma tragédia oposta e de igual intensidade. A negligência médica que deixou meu filho com uma deficiência neurológica permanente. O incêndio em Los Angeles que queimou grande parte do meu bairro e quase queimou minha casa poucos dias depois de eu tê-la comprado.”

“Claro que eu poderia erguer meu punho para o universo e perguntar o que eu fiz para merecer isso, mas, sendo bem sincero, o que eu realmente sinto mais é gratidão. Gratidão para com os fãs que estenderam seu apoio a mim e à minha família nas redes sociais, em e-mails e pessoalmente em diferentes eventos de jogos. Gratidão pela estabilidade financeira que nos permitiu enfrentar essas tempestades e sustentar minha família. Gratidão por saber que existem tantas pessoas por aí que compartilham do meu amor por Axiom Verge.”

Há um excelente documentário curto sobre a produção do Axiom Verge original e sobre o Happ. Assistam, vocês devem isso a si mesmos.

Enquanto isso, vocês podem comprar o Axiom Verge 2 aqui mesmo por US$ 19,99, e, se comprarem até 18 de agosto, terão 10% de desconto.

Fonte: epicgames

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.